Ipês – Beleza Natural do Brasil

Muitos já devem conhecer, outros não… De qualquer maneira esse vídeo com imagens de ipês por todo o Brasil nos enche de alegria de tanta beleza natural do nosso país. Vale a pena!

Parabéns Sávio Roberto Moreira Gomes e Bete Maciel por terem feito a seleção de fotos e montagem desta apresentação belíssima!

Para efeito de curiosidade, existem mais de 100 espécies diferentes de ipês que geralmente são do gênero Tabebuia. Veja também imagens e mais informações científicas no Flora brasiliensis.

7 Respostas para “Ipês – Beleza Natural do Brasil

  1. Parabéns pelo artigo, já tive oportunidade de presenciar estas lindas árvores de perto, tanto em sua fase verde, quanto a passagem para as cores… são mais uma das maravilhas da natureza.
    Abraço

  2. Pô que lindo vídeo!!
    Têm um ipê amarelo na Vila Sônia que amo muito, mesmo sendo da casa de uma pessoa que não conheço. Todo ano, quando chega a época dos amarelos vou lá olhar pra ele, é sempre o mais lindo. Sempre me emociono vendo a beleza destas esplêndidas árvores.
    Obrigado aos autores e a vc. por postá-lo.

  3. Olá, sou o Sávio Roberto Moreira Gomes, autor do poema que a Bete Maciel fez a bela montagem com os Ipês! Desde 1964, que todos os anos escrevo um poema ou uma crônica sobre os Ipês. São muitos os ipês na minha vida, e desde criança, tenho especial admiração por estas belas árvores. Agradeço a todos que têm enviado mensagens sobre a apresentação. Além do mais, creio que quanto mais soubermos amar as árvores, mas consciência teremos sobre a conservação do nosso planeta! Um Feliz Natal a todos!

    • Sávio, bom saber que existem almas que reconhecem a divindade das árvores.
      Amo de maneira especial os ipês.

  4. Oi gente, meu nome é Linda, faz tempo que procuro uma muda bem grande de ipê roxo ou amarelo para comprar, muda assim de uns 3 metros, mas não encontro. Moro em São Paulo SP. Se alguém souber de algum lugar que venda, por favor deixa um recado para mim!

    bjs.

  5. SINFONIA DOS IPÊS DE SETEMBRO

    Sávio Roberto Moreira Gomes

    À todos os admiradores e conservadores do Ipê:

    Sob invisível batuta, despertam ipês-setembro,

    trajados de amarelo, branco, roxo e rosa.

    Na delicada partitura de cada membro,

    Passeiam pétalas em sons, versos e prosa.

    Ensaiam brevemente pinceladas coloridas,

    elegantes harpejos em suave adágio

    em ricas escalas em oitavas sustenidas,

    do Allegro ao emocionante presságio.

    O maestro, Ipê-rei, Flor Nacional está atento,

    repassa um Crescendo em Ária com os ipês rosa

    ergue com precisão a batuta e ordena ao vento

    que todos os ipês se concentrem em verso e prosa.

    E, de repente, com o contraste do céu azul,

    surgem ipês multicoloridos, de Minas a Goiás,

    Em Santa Catarina, Fortaleza, Rio Grande do Sul,

    São Paulo, Paraná, Paraíba, Sergipe, Manaus, Carajás…

    São orgulhosamente ipês brasileiros em harmonia,

    executando em intermezzo sua arte-flor em setembro,

    mas pode por capricho, comoção ou alegria

    surgir em março, maio, agosto ou dezembro.

    Lhes deram nomes curiosos os homens da Ciência,

    Tabebuia, da família Bignoniaceae, pau d´arco, piúna,

    ipê-roxo-de-bola, ipê-rosa, mas com paciência

    ele respeita os seus súditos, e sorri com o “ipê-una”!

    À frente, as sensatas presenças dos ipês-mirins,

    que como violinos, entoam suave fantasia,

    tem como resposta um lindo naipe de clarins,

    e todos os ipês respondem em harmonia.

    Numa delicada valsa surgem beija-flores

    ornando as copas coloridas num bailado,

    agitam num frêmito as asas multicores

    como se tivessem a muito tempo ensaiado.

    Assim prosseguirá a rica Sinfonia,

    cada Ipê-branco, ipê-rosa, ipê-roxo, ipê-amarelo,

    uns fazem o canto, os metais, a percussão, o cello,

    ora em pizzicato, ora em polifonia.

    Novamente, em setembro, surgem os ipês

    com sua sinfonia de cores em pétalas,

    em finalle, voam ninfas-sementes, libélulas,

    que pousam para ser ipês outra vez.

    Campos dos Goytacazes, setembro de 2010

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s