11 dicas para um Natal mais criativo e natural!

dicas-natal-criativo-natural

publicado primeiro no portal Conexão Planeta em 21 de dezembro de 2015


Árvores de Natal
tornaram-se um símbolo importante nas celebrações e festas de todo o mundo, principalmente após o século XVI. Mas a prática de enfeitar árvores já era comum em rituais pagãos que tinham como intenção celebrar a fertilidade da natureza. Assim, romanos, egípcios e celtas adornavam árvores com maçãs douradas, levavam a presença do ramo sempre verde para dentro de casa e honravam os deuses da agricultura.

Com o tempo, a decoração das árvores foi ficando mais elaborada: os frutos ganharam a companhia de velas para simbolizar a luz de Cristo, rosas foram incluídas para homenagear a Virgem Maria e estrelas para simbolizar a Estrela de Belém.

Fico empolgada e feliz em ver as árvores serem símbolos tão relevantes em algumas celebrações durante o ano. E como estes rituais são atualizados, de alguma maneira, para acompanhar as novas formas de relacionamento da sociedade com a tradição, listei 11 dicas para inspirar a celebração deste Natal em relação às árvores.

1. Escolha árvores vivas, com raízes, que possam ser replantadas

Os pinheiros podem ser plantados em vasos, para a ocasião, mas ainda há pinheiros que são cortados  desde o torrão, o que inviabiliza a possibilidade de replantar a árvore após as festas. Então, sempre que optar por árvores vivas para celebrar o Natal, procure escolher aquelas que permitirão o replantio, dando sequência ao crescimento e à vida da árvore. Essa é uma maneira honrosa de aplicar os valores das festas de final de ano (aprenda como fazer o replantio neste post do blog Mãos à Horta, também do Conexão Planeta).

2. Adote aquela árvore que mora em seu jardim, calçada ou na praça em frente à sua casa

Árvores que habitam locais que frequentamos diariamente são especiais para a nossa vida e podemos homenageá-las nesta época do ano. É comum as pessoas colocarem  luzes nessas árvores para sua decoração, mas eu prefiro uma perspectiva mais carinhosa, com tratamento pessoal.

Sempre me lembro de uma praça, na cidade de São Paulo, repleta de árvores frutíferas, que é cuidada por um imigrante japonês, o sr. Paulo Katsuo Abe. É a Praça Caetano Fraccaroli, na Avenida Sumaré, no bairro de Perdizes. Nesta época do ano, ele delicadamente coloca lindos laços nas árvores, deixando-as coloridas e enfeitadas, ao mesmo tempo que presta homenagem a cada uma, que cuida durante o ano. Esta é uma ideia que possibilita infinitas maneiras de decorar e celebrar as árvores que cuidam de nós e das quais também cuidamos ao longo do ano. Mas cuide somente para não perfurar a árvore ao colocar a decoração escolhida e também ao remover e descartar os materiais após as celebrações.

3. Escolha uma árvore nativa da região onde a festa será celebrada

Como a prática de enfeitar árvores de Natal, como conhecemos, surgiu no Hemisfério Norte, as árvores mais comuns e sempre verdes por lá (época do inverno), são os pinheiros. Se a ideia é manter essa tradição, aqui no Brasil podemos optar pelos pinheiros nativos como a Araucaria angustifolia e o Podocarpus, ambos gêneros brasileiríssimos, mas em risco de extinção.

Mas ainda há outros tipos de árvores nativas marcantes que podem ser lindas opções no Natal, como as frutíferas da família das Myrtaceae, as diversas espécies de palmeiras brasileiras ou ainda árvores de copa bastante expressiva como a aroeira-salsa (Schinus molle). É um processo muito precioso e lento reconhecer a identidade ambiental brasileira expressa em sua grande diversidade de flora. Então, por que não reverenciar essa riqueza durante as festas de Natal e de Ano Novo?

4. Crie uma árvore exclusiva com materiais recicláveis e reaproveitados

Cada vez mais pessoas tomam consciência de separar e destinar corretamente qualquer material. E, especialmente no Natal, vale aderir à uma ideia bem criativa e divertida: criar um projeto de árvore com materiais reaproveitados. Um pouco antes da data, você pode já ir coletando e separando estes materiais para a construção da árvore e sua decoração. E mais: este pode ser um projeto feito coletivamente, com todos da família, com os moradores do seu prédio ou os colaboradores da empresa onde você trabalha. A árvore ganhará um novo valor e um forte significado, além de todos se sentirem participantes de sua construção e existência. Com uma agenda organizada de encontros, a montagem da árvore será um momento de muita partilha, alegria, criatividade e aprendizados.

5. Decore a árvore com enfeites criados por você e sua família, e que contem histórias

Me lembro que, quando criança, todos os anos criava e produzia os enfeites da árvore de Natal com minha família. Geralmente, reaproveitávamos materiais e procurávamos criar uma sequência ou história. Era um momento muito feliz do ano e as salas e a cozinha viravam uma verdadeira linha de produção. Cada ano definíamos uma estética principal. Certa vez, utilizamos CDs de propagandas; em outra ocasião, os miolos dos rolos de papel higiênico. Criávamos as carinhas do Papai Noel com algodão, desenhos brilhantes com cola e gliter sobre os CDs; também fazíamos recortes no formato de diversos animais, anjinhos de tecido e muito mais.

Encerrar e recomeçar um novo ciclo, reunindo pessoas queridas e importantes da nossa vida para confraternizar e construir memórias juntos: são essas lembranças que ficarão para todo o sempre em nossos corações.

6. Crie uma árvore e os enfeites com elementos naturais

Uma outra forma incrível de fazer árvores e enfeites para o Natal é utilizar elementos naturais, pinhas e galhos secos. Eles são ótimos recursos criativos. Folhas e flores secas também dão um toque especial. Você pode agrupar e arranjar tudo com lindas fitas ou, até mesmo, palha, barbante e cordas de fibras diferentes. Enfeites feitos à mão e com elementos naturais são super valorizados. Utilizamos o que está disponível, sem necessidade de arrancar ou cortar pedaços de árvores e plantas para produzir algo bonito.

Então, é só ficar atento aos caminhos por onde passa; com certeza, encontrará uma infinidade de materiais que a natureza oferece, levando sempre em conta – claro! – que é ideal escolher e coletar com moderação e responsabilidade. Na natureza, tudo está conectado e muitos bichinhos e insetos precisam de recursos como folhas e frutos secos para suas moradias e ciclos reprodutivos.

Você também pode aproveitar itens que normalmente são utilizados na cozinha como fibra de coco-verde, canela, ramos de alecrim e outros temperos. E, se precisar despertar a criatividade, pesquise em painéis do Pinterest ou sites de decoração: a equipe do Instituto Árvores Vivas fez uma seleção de pins que você pode consultar.

7. Cultive sua árvore de Natal desde a semente

Imagine só a presença, a alegria, o amor e a força que tem uma árvore que cresce junto com você ao longo da sua vida! Germinar, crescer, ganhar os primeiros anos de vida, fortalecer galhos e troncos, começar a florescer e frutificar. E todos os anos cuidadosamente ornamentá-la para a celebração das festas de final de ano e saber que aquela árvore, do seu jardim ou praça, existe por que você se dedicou à sua existência, de alguma maneira.

Mesmo que você não a decore especialmente para a época de festas, só o fato de plantar árvores desde as sementes e admirar sua existência como ser único que é, amplia os bons sentimentos em todos à volta. Por que não criar um novo hábito de Natal? Germine sementes todo o ano com a família para que todos tenham mais vida, flores e frutos por perto Veja o post sobre germinação, no qual compartilhei detalhes desse processo.

8. Faça uma instalação criativa com plantas diversas

Em vez de ter uma única árvore como símbolo do Natal, você pode criar um lindo arranjo de vasos com plantas que já tem em casa ou comprá-los especialmente para a ocasião. Depois, enfeitarão a casa, normalmente. Neste caso, escolha plantas que se adaptam bem aos ambientes internos, como samambaias, orquídeas, algumas espécies de bromélias e suculentas. A criatividade é infinita.

Os vasos podem ser organizados em uma escada de Natal ou ser suspensos em ganchos, organizados em formato triangular, lembrando o contorno de um pinheiro. Com as suculentas você pode criar um vaso em formato de árvore ou pinheiro para plantá-las ou, ainda, fazer lindas decorações com guirlandas de flores e folhagens.

9. Use fotos e textos como enfeites e homenageie outras árvores

Você já é um grande admirador das árvores ou um exímio plantador? Gosta de desenhar, pintar ou fotografar as árvores que encontra pelo caminho? Escreve lindos textos, poesias e haicais sobre as árvores e a natureza? Então, seu Natal pode ser uma excelente oportunidade para você usar toda essa arte já produzida, revelando seu encantamento e sua admiração pela natureza e pelas árvores!

Mas, se você ainda não tem esses registros feitos, pode começar 2016 fazendo um desenho, uma foto ou uma poesia por mês para montar a sua árvore no final do ano que vem. Que tal?

Agora, vamos ao que você pode fase com sua arte! Crie uma estrutura de galhos, ou então, use barbante que sirva como um grande varal para expor a variedade de materiais elaborados. Você pode pendurá-los com lindos pregadores personalizados de Natal ou da maneira que sua criatividade mandar.

Tenho certeza de que sua árvore de memórias ficará incrível. E, depois de montá-la, você pode fotografar e compartilhar nas redes sociais do Instituto Árvores Vivas, ou indicar os links aqui, nos comentários deste post. E ainda tenho mais uma sugestão: na noite da festa, seus convidados poderão pendurar desejos e lembranças do ano junto com suas memórias, assim a árvore ficará ainda mais enriquecida com tanta energia positiva.

10. Presenteie com sementes, árvores e mais vida

Imagine só um mundo onde, sempre que houver festas e celebrações, todos procurem presentear com mudas e sementes de árvores, temperos e plantas comestíveis variadas! Seria incrível e, em vez de construir mais espaços impermeabilizados ou concretados, teríamos que encontrar novas áreas de plantio, criando condições para todas essas plantas existirem perto de nós, oferecendo todos os benefícios que elas trazem para a vida de todos os seres do planeta.

11. Celebre junto à natureza

A natureza é restauradora e, por isso, é um excelente cenario para as festas do final do ano, compartilhadas com amigos e famíliares. Pode ser perto do mar, nas montanhas, nos campos cerrados… São tantas as paisagens e locais naturais em nosso país e no mundo, um mais lindo e especial que o outro.

Viver experiências na natureza fortalece a imunidade, recarrega as energias, promove sensações de maior plenitude, satisfação e alegria, amplia a capacidade de enxergar soluções e perspectivas novas e diferentes diante dos desafios da vida. Ou seja, a natureza é o melhor remédio para todos nós, em todas as idades.

Lembre-se sempre de cuidar da natureza que você visita, seja cuidadoso com seus resíduos e com o manejo de fogos e fogueiras. Respeite o ambiente que é para os humanos, mas também para todos os seres vivos. Estar na natureza nos dá oportunidade de viver na prática valores como respeito, cuidado, carinho, admiração e encantamento.

Um feliz Natal para todos, renovando esperanças, energias e preenchendo os corações de paz, amor e alegria para o 2016 ser um ano inesquecível e muito especial!

Foto: domínio público/pixabay

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s