Goiabeira nossa de todo dia!

Vamos apresentar neste artigo escrito a 4 mãos, informações sobre a goiabeira, nossas experiências de vida com essa árvore e o máximo de informações curiosas!

 

goiabeira de Ilha Bela - foto Juliana Gatti

goiabeira de Ilha Bela - foto Juliana Gatti

goiabiera em Ilha Bela - SP - foto Juliana Gatti

Goiabeira em Ilha Bela - SP - foto Juliana Gatti

Por Adriana Sandre

A goiabeira cujo nome científico é Psidium guajava foi alvo de grande parte dos meus estudos na faculdade de Ciências Biológicas, ela é uma árvore graciosa, da família das mirtáceas, semelhante às pitangueiras, jabuticabeiras e ao cambuci. Grande parte dos membros dessa família tem o tronco pardo com algumas descamações mais claras que dão uma beleza singular a estas árvores.

Lembro que desde a minha infância, a goiabeira já fazia parte da minha vida, eu costumava subir em uma delas com uma amiga de bem pertinho de casa, nós passávamos horas lá em cima (na época parecia ser bem alto, risos) olhando as pessoas passarem nas ruas e pensando nas próximas brincadeiras do dia. Recentemente, há alguns meses, comi a minha primeira goiaba, ou melhor dizendo, a primeira goiaba de uma árvore plantada por mim! Foi bem legal!!!

A goiaba, fruto da goiabeira, além de ser deliciosa, tem inúmeras propriedades medicinais, por ser rica em vitamina C e antocianinas, importantes antioxidantes que combatem os radicais livres no nosso corpo. A fruta possui também vitamina B1, B2, B6 e vitamina A, que faz bem à vista e conserva a saúde da pele. Sabe-se atualmente que a goiaba branca tem mais vitamina C que o limão!!! Pelo elevado teor de vitamina C, a goiaba, durante a Segunda Guerra Mundial, foi utilizada como suplemento na alimentação dos soldados nas regiões frias, pois aumentava a resistência contra as afecções do aparelho respiratório.

Goiabas no pé - foto de Luciano Ogura

Goiabas no pé - foto de Luciano Ogura

A goiabeira tem uma resposta interessante a alguns poluentes atmosféricos, ela pode indicar a presença de ozônio na atmosfera, por apresentar na presença deste, manchas avermelhas na parte superior (adaxial) das folhas mais velhas. O ozônio em excesso na superfície terrestre pode ocasionar problemas à saúde e a goiaba pode ser uma planta que auxilia na bioindicação dele na atmosfera.

folhas de goiabeira - foto de Luciano Ogura

folhas de goiabeira - foto de Luciano Ogura

 

textura do tronco de uma goiabeira no Memorial da América Latina - foto Juliana Gatti Pereira

textura do tronco de uma goiabeira no Memorial da América Latina - foto Juliana Gatti Pereira

Por Juliana Gatti Pereira

 As goiabeiras são uma das árvores mais belas que conheço. Todos os seus aspectos morfológicos apresentam uma delicadeza e beleza especiais. O tronco além de possuir cor e manchas muito características também possui brilho e um toque liso e macio. Muitas vezes o seu crescimento desenvolve uma harmonia na arquitetura de seus galhos que é de tirar meu fôlego. Não me lembro das goiabeiras na minha infância, elas são mais presentes recentemente… Existem algumas que sempre aprecio quando estou no meu caminho de casa para o trabalho aqui em São Paulo. Outras duas que conheci em viagens, me passaram uma energia muito feminina e leveza.

Eu e uma das goiabeiras mais lindas que já conheci

Eu e uma das goiabeiras mais lindas que já conheci

goiaba branca madura - foto Juliana Gatti Pereira

goiaba branca madura - foto Juliana Gatti

Reparando com mais atenção no detalhe, as folhas da goiabeira possuem nervuras bem marcadas dentro de seu formato arredondado, criando sustento adequados, da mesma forma que um esqueleto. E as flores então? São delirantes… Quem já teve a oportunidade de ver bem de pertinho uma flor de goiabeira, sabe bem como são belas e surpreendentes lembrando um “pom-pom” de brinquedo com seus diversos estames. Li recentemente em um dos livros aqui no escritório, que as pétalas de goiabeira são comestíveis e mantém o perfume quando colhidas logo no amanhecer… Alguém já experimentou?

 

Flor da Goiabeira - Parque da Aclimação - Foto por Luciano Ogura

Flor da Goiabeira - Parque da Aclimação - Foto por Luciano Ogura

Outra curiosidade que descobri, é que o nome goiaba é derivado de coyab que em tupi significa “sementes aglomeradas”. Justamente por ter tantas sementes é que esta árvore possui uma dispersão tão ampla e sempre podemos encontrar uma goiabeira pertinho de nós!! Também é sabido que os incas utilizavam a madeira da goiabeira para diversos ornamentos e os primeiros indícios de cultivo da goiabeira estão no México , no início da Era Cristã.

FICHA TÉCNICA

  • nome científico: Psidium guajava
  • família: Myrtaceae
  • origem: México, Colômbia, Peru e algumas referências também dizem Brasil
  • porte: de 2 a 10 m de altura
  • cuidados: planta de clima quente e solo bem drenado, adora umidade
  • cultivo: propagação por sementes e começa a produzir no primeiro ano de vida
About these ads

13 Respostas para “Goiabeira nossa de todo dia!

  1. Por favor , gostaria de saber a profundidade das raizes das goibeiras.
    Sem mais agradeço.

  2. Ola, tenho que fazer um trabalho de Biogeografia sobre a goiabeira. Por favor me informe algumas bibliografias, muito obrigado…

  3. eu gosto muito da fruta goiaba ela é uma delicia
    mais a minha amiga não gosta….

    xau bj a

  4. Achei muito legal o post não sabia nada sobre a Goiabeira.
    E tirei uns trechos deste Blog para ajudar a minha prima que é professora a mostrar aos seus alunos um pouco mais sobre a essa fruta de poupa vermelha ou branca.

  5. Meninas, entrei no Google procurando imagens de goiabeiras. E as fotos mais bonitas eram as de vocês…Queria roubar duas para o meu blog. Pode ser?
    ninahorta@uol.com.br
    Se puder, muito obrigado, se não puder, parabéns para vcs! Abraço, nina

  6. minha goiabeira rachou bem no tronco,coloquei uma estaca e amarrei….sera q vou perder a arvore? oq posso faser?

    • Olá Joni,
      é dificil dizer se ela vai se recuperar, mas pode ser que a amarração esteja precisa e exista uma chance dela reestabelecer as ligações de seus vasos condutores de seiva. Agora é esperar e torcer para ela melhorar! Boa sorte!

  7. Aproveito para pedir orientação sôbre uma eventual mudança de uma goiabeira com aproximadamente 6 anos de plantio e 5 metros de altura. Como ela está plantada em um canteiro em lugar acanhado a idéia “tirá-la e replantá-la” em local adequado para que tenha seu desenvolvimento normal (apesar de se apresentar forte e saudável mesmo “apertada”,
    mas com reduzida produção de frutos). Parabéns pelas matérias e grato pela oportunidade.

  8. Comprei um terreno na praia,com um pe de goiaba,amarela,mas segundo os visinhos este pe e muito velho,achei ate que não ia dar frutos.Em Setembro cortei alguns galhos,e passei cal no tronco.Agora ela esta caregando,toda semana encho uma bacia grande ,e tenho feito doce.Mas as goiabas,são muito feias e algumas bichadas,e com varios pontos pretos.Como devo cuidar,e quando podar e como.

  9. Minha goiabeira tem 6 anos e nunca deu fruto, ano passado me mandaram poda-la e assim o fiz . E ela está com galhos bem bonitos, mais ainda não tem sinal que vai dar frutos, tem algum tipo de adubo para ajuda-la? espero resposta. Obrigada.

    • Olá Aparecida, recomendamos a torta de mamona ou húmus de minhoca revolvido na terra distante do tronco central a circunferência da projeção da copa. Boa sorte

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s